Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Rubim e a passagem terrestre para Minas Gerais

Rubim e a passagem terrestre para Minas Gerais

Se a comunicação pelo Rio de Santa Maria com Minas Gerais fosse realizada, seria assaz vantajosa, porque este Rio vem desembocar no ancoradouro da Vila da Vitória   

A capitania do ES em 1811- Por José Teixeira de Oliveira

A capitania do ES em 1811- Por José Teixeira de Oliveira

Vila Velha possuía quarenta casas pouco mais ou menos, e pela maior parte cobertas de palhas

Acusações contra Silva Pontes

Acusações contra Silva Pontes

Os capixabas articularam gravíssimas acusações contra o governador

Ainda o Rio Doce e as minas do Castelo

Ainda o Rio Doce e as minas do Castelo

O interesse da Coroa pelo rio Doce não esmorecera

O Espírito Santo liberta-se do governo da Bahia

O Espírito Santo liberta-se do governo da Bahia

D. João baixou o decreto em 1810, ordenando que o governo da Capitania do Espírito Santo ficasse independente da Bahia

Principal transporte em terra, tropa deixa rastro de poesia

Principal transporte em terra, tropa deixa rastro de poesia

Com o crescimento da produção do café, aumentaram as necessidades de transportes, não havia outra alternativa se não o uso de animais de carga

Fisco e comércio no Rio Doce – Silva Pontes

Fisco e comércio no Rio Doce – Silva Pontes

Para tanto, instalou, no Espírito Santo, os quartéis deLorena, da Regência e do Sousa – este onde se termina a navegação fácil do oceano

O ensino na Província do ES

O ensino na Província do ES

O presidente Inácio Acióli fala bem do carinho que os problemas do ensino mereceram de suaadministração

Tentando o povoamento das margens do rio Doce – Silva Pontes

Tentando o povoamento das margens do rio Doce – Silva Pontes

Um dos problemas que surgiram com a nova situação foi o de povoar a localidade

A Corrupção Eleitoral – Por Eurico Rezende

A Corrupção Eleitoral – Por Eurico Rezende

Lamentável perda de oportunidade para o controle do comportamento dos detentores de vastos recursos financeiros no processo eleitoral