Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Matérias Especiais

Cai avião no Exército

Cai avião no Exército

O serviço de vigilância no Morro do Moreno (posto semafórico) e na Pedra do Atalaia era feito das cinco às dezessete horas, diariamente

Instituto Histórico e Geográfico do ES - 80 anos

Instituto Histórico e Geográfico do ES - 80 anos

Domingos José Martins não foi um simples herói como, por vezes, acontece com os heróis de circunstância. O herói pode sobreviver aos acontecimentos, o mártir, entretanto, é aquele que leva à última consequência o seu ideal

Roteiros de Anchieta

Roteiros de Anchieta

A Igreja Matriz Nossa Senhora da Assunção é a antiga residência do “Apóstolo do Brasil”, hoje Museu Nacional de Anchieta, foram construídas no século XVI pelo beato e pelos índios tupi-guaranis catequizados

Histórias fabulosas

Histórias fabulosas

A Companhia de Jesus não foi a única ordem religiosa a exercer atividade na Capitania do Espírito Santo, no período colonial. A obra dos jesuítas será complementada pela ação missionária dos franciscanos, capuchinhos, carmelitas e beneditinos...

Praça Costa Pereira ou Independência?

Praça Costa Pereira ou Independência?

Certa vez, de passagem pela Capital, um estrangeiro queixava-se: - A língua capixaba é muito difícil: escreve Costa Pereira e pronuncia-se Independência!

O Apóstolo Poeta - Elmo Elton

O Apóstolo Poeta - Elmo Elton

Sonetos escritos quando da beatificação do Padre José de Anchieta, em junho de 1980

Em Viagem de Canoa - Elmo Elton

Em Viagem de Canoa - Elmo Elton

Sonetos escritos quando da beatificação do Padre José de Anchieta, em junho de 1980

Em Terras Nossas - Elmo Elton

Em Terras Nossas - Elmo Elton

Sonetos escritos quando da beatificação do Padre José de Anchieta, em junho de 1980

Qual se fosse Jesus - Elmo Elton

Qual se fosse Jesus - Elmo Elton

Sonetos escritos quando da beatificação do Padre José de Anchieta, em junho de 1980

Entre Aves e Feras - Elmo Elton

Entre Aves e Feras - Elmo Elton

Sonetos escritos quando da beatificação do Padre José de Anchieta, em junho de 1980