Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Invasão das minas do Castelo

Ponte sobre o Rio Itapemirim

A indústria da mineração sofreu rude golpe quando, em 1771, os puris atacaram as minas do Castelo, obrigando quantos ali trabalhavam a abandonar a região.

A fim de assegurarem às mulheres e crianças retirada mais ou menos segura, os homens monopolizaram a atenção dos atacantes em renhida resistência, destruindo – ao partirem – casas, canais e pontes, outrora construídos com enorme sacrifício.

Vieram, os sobreviventes, instalar-se na barra do rio Itapemirim, fazendo surgir a freguesia de N. S. do Patrocínio.(35)  O governo não acudiu com auxílio de espécie alguma. Parece mesmo que, intimamente, aplaudiu a façanha dos silvícolas.(36)

 

NOTAS

(35) - FREIRE, Capitania, 121-2.

(36) - É o que se infere de uma passagem da informação dirigida, a onze de julho de 1790, pelo capitão-mor Inácio João Mongeardino, ao governador da Bahia, onde aquela autoridade diz que as “Minas do Castello se achão cheias de mattos, por eu impedir a limpa dellas, a fim de evitar a sua communicação” (apud ALMEIDA, Inventário, III, 178).

 

Fonte: História do Estado do Espírito Santo, 3ª edição, Vitória (APEES) - Arquivo Público do Estado do Espírito Santo – Secretaria de Cultura, 2008
Autor: José Teixeira de Oliveira
Compilação: Walter Aguiar Filho, junho/2018

História do ES

Ano de 1877 – Por Basílio Daemon

Ano de 1877 – Por Basílio Daemon

Chega o vapor Colômbia, procedente de Gênova, com 273 colonos italianos para o núcleo de Timbuí da Colônia de Santa Leopoldina

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Viajantes Estrangeiros ao ES – Auguste François Biard

Na relação dos principais viajantes estrangeiros ilustres que estiveram em nosso país, no segundo meado do século dezenove, sem muito destaque, inclui-se o nome do pintor francês — Auguste François Biard

Ver Artigo
Viajantes Estrangeiros ao ES – Jean-Jacques de Tschudi

"No dia seguinte, a comitiva regressou a Vitória, onde o presidente Sousa Carvalho já havia providenciado uma canoa grande e cinco remadores, escravos, para subirem o curso caudaloso do rio Santa Maria, até a colônia de Santa Leopoldina"...

Ver Artigo
Palácio das Águias

A Barra do Itapemirim, em Marataízes, é um antigo núcleo de povoação fundado no ano de 1771 pelos portugueses 

Ver Artigo
Festival de Verão de Guarapari Janeiro 1971

A ideia tinha partido de dois jornalistas, Antônio Alaerte e Rubens Gomes Filho

Ver Artigo
Mais nomes curiosos de ruas de Vitória

RUA DO FOGO ou CARAMURU - Foi conhecida por Ladeira do Quebra-Bunda, pois com leito em pedra, muito íngreme e sempre molhada por infiltrações, era bastante escorregadiça

Ver Artigo