Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Luiz Buaiz - Liderança, inata e vitalidade

Luiz Buaiz e José Moisés

Incansável, inquieto, atencioso, atento, humanitário, honesto. Esses são apenas alguns dos adjetivos que o amigo Michel Assbú escolhe para definir Luiz Buaiz, dono de uma vitalidade invejável, apesar dos 91 anos. E capaz de perdoar como poucos. Ele diz:

“As pessoas não são perfeitas. Mas ele nunca usou os cargos que ocupava para perseguir ninguém. Os inimigos ele atendia como se nada tivesse acontecido. E sempre disse que tem que atender primeiro os inimigos. Os amigos podem esperar. No ambulatório de clínica médica, atendia com o valor humanístico. Quando voltou por cima, ignorou e mandou os que o perseguiam escolher o cargo que queriam.

Em sua família, todos recorrem ao tio Luiz. É indiscutível a liderança que ele tem com todos, a liderança familiar que exerce.

Ele é sempre presente. Está sempre disponível quando é procurado. Lembro uma vez em que liguei pra ele, disse que queria tratar um assunto, ele me perguntou onde eu estava, eu disse que atrás do Clube da Polícia Militar e ele respondeu: ‘Então me encontra no posto de gasolina na esquina’. Em menos de cinco minutos nós estávamos lá, conversando.

É grande a amizade que ele sempre demonstra ter pela minha família. Em 64, a primeira neta dos meus pais, em Colatina, teve um problema com um quadro grave de invaginação intestinal, quase meia noite do dia 30 para o dia 31 e de pronto estava tudo organizado pelo Dr. Luiz, aqui em Vitória, para recebê-la e fazer a cirurgia. E ela sobreviveu.

O coração dele é muito grande. Ele sempre diz: ‘Eu vim aqui para servir, não para ser servido.’ Mas ele nunca foi subserviente, nunca foi de conchavo, sempre defendeu o seu ponto de vista. Eu descrevo o Dr. Luiz Buaiz assim: em primeiro lugar, ele tem uma inteligência privilegiada. Não esquece fatos, nomes, pessoas, datas. Em segundo lugar, ele é bondoso. Em terceiro lugar, ele tem uma visão administrativa de Medicina, como poucas pessoas têm. Em quarto lugar, ele é uma liderança inata e uma liderança carismática. Ele é muito mais próximo das pessoas comuns que de políticos.

No governo de Élcio Álvares era a pessoa com maior prestígio. Tinha uma amizade de anos com Mariazinha Lucas, Chefe da Casa Civil, mas não quis nada.

Luiz não é rico. Ele vive sem dificuldades financeiras, mas não é rico. Ele vive uma vida extremamente simples. A nossa amizade é grande, por ele e por toda a sua família. Eu tive a honra de cuidar de José, de Benjamim e do Dr. Luiz.”

 

PRODUÇÃO

 

Copyright by © Luiz Buaiz – 2012

 

Coordenação do Projeto: Angela Buaiz

 

Captação de Recursos: ABZ Projetos

 

Texto e Edição: Sandra Medeiros

 

Colaboraram nas entrevistas:

Leonardo Quarto

Angela Buaiz

Ruth Vieira Gabriel

 

Revisão: Herbert Farias

 

Projeto e Edição Gráfica: Sandra Medeiros

 

Editoração Eletrônica: Rafael Teixeira e Sandra Medeiros

 

Digitalização: Shan Med

 

Tratamento de Imagens: TrioStudio; Shan Med

 

Fonte: Luiz Buaiz, biografia de um homem incomum – Vitória, ES – 2012.
Autora: Sandra Medeiros
Compilação: Walter de Aguiar Filho, dezembro/2020

Matérias Especiais

Estudos sobre a descoberta da Província - Parte III

Estudos sobre a descoberta da Província - Parte III

Conclui-se, afinal, que o navio em que viera Diogo Álvares (Caramuru) não ultrapassou a baía de Todos os Santos, onde naufragara

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

A Polícia Militar na Historiografia Capixaba - Por Gabriel Bittencourt

A Policia Militar jamais suscitou tanta evidência, seja na imprensa ou no seio da comunidade cultural, como neste ano em que comemora 150 anos de existência

Ver Artigo
As precursoras de uma literatura feita por mulheres no ES

Francisco Aurélio Ribeiro comprova em seu livro, A Literatura do Espírito Santo, que no final do século passado a tônica era machista. As mulheres podiam fazer versos, desde que não os publicassem...

Ver Artigo
As revolucionárias nos anos 30 - Por Francisco Aurélio Ribeiro

Maria Stella de Novaes (1894-1990) e Haydée Nicolussi (1905-1970) são da mesma geração e foram revolucionárias de seu tempo, cada uma a sua maneira

Ver Artigo
Gabriel Bittencourt e a Historiografia Espírito-Santense - Por Marcello de Ipanema Cybelle de Ipanema

Prefácio do livro de Gabriel Bittencourt escrito em 1989. Uma incrível visão da cultura regional atualizadíssima. Parabéns Marcello de Ipanema e Cybelle de Ipanema

Ver Artigo
Dr. Luiz Buaiz - Ícone da medicina

Dr. Saulo Ribeiro do Val, ginecologista e obstetra, apresenta Luiz Buaiz como um ícone da Medicina, em Vitória

Ver Artigo