Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

O primeiro mapa do Espírito Santo

Carta de Albernaz de 1640 - Litoral norte do Rio de janeiro e Litoral do Espírito Santo

Logo no primeiro lustro do século XVII, foi extinto o cargo de provedor de defuntos e ausentes da capitania, “atendendo a que os moradores eram pobres (I) e poucos”. As atribuições do ofício passaram às justiças ordinárias locais.(1)

Além da presença de D. Francisco de Sousa na terra – sempre voltado para as gemas e pedrarias, tendo mesmo conseguido sua nomeação para capitão-general e governador do Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Vicente, com administração das minas descobertas e que se viessem a descobrir nas três capitanias – é de justiça assinalar o levantamento, em 1612, da primeira carta geográfica do território capixaba, por Marcos de Azeredo.(2)

 

NOTAS

(1) - RUBIM, Memórias, 227. A carta régia é de sete de dezembro de 1604 (apud JOSÉ MARCELINO, Ensaio, 75).

(2) - Basílio Daemon, de quem colhemos a valiosa notícia, grafa “Azevedo”. São, ainda, daquele mesmo autor as seguintes informações: “Nesta carta são demonstrados: todos os lugares povoados, havendo no entanto faltas, pois que só dá como povoações a Vitória e Reis Magos, quando já existia a Vila do Espírito Santo, havendo povoações em Guarapari, Benevente e S. Mateus, não falando em Santa Cruz, Serra e Piúma* então Orobó” (Prov. ES, 106).

* “Py-uma – a epiderme ou casca anegrada, escura. É uma mirtácea de fruto preto, redondo” (SAMPAIO, O Tupi, 294).

 

Fonte: História do Estado do Espírito Santo, 3ª edição, Vitória (APEES) - Arquivo Público do Estado do Espírito Santo – Secretaria de Cultura, 2008
Autor: José Teixeira de Oliveira
Compilação: Walter Aguiar Filho, junho/2017

História do ES

Guerra do Paraguai

Guerra do Paraguai

O primeiro contingente da Província do ES, constituído de oficiais e soldados de primeira linha da sua guarnição, largou para o sul a catorze de fevereiro de 1865 

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Victória – Cidade Presépio, 1937

A linda capital do Espírito Santo. A cidade de Vitória está situada numa ilha banhada por águas do oceano Atlântico

Ver Artigo
Os cônsules no Espírito Santo

São representantes junto ao Governo do Estado, com residência nesta capital

Ver Artigo
Corpo de Bombeiros e Polícia Militar do ES

A Polícia Militar do Espírito Santo é uma das mais eficientes do Brasil. Também o é assim o Corpo de Bombeiros de Vitória

Ver Artigo
Movimento Natural da População do Espírito Santo em 1937

Empenhados em que sejam conhecidos, com a maior rapidez, os resultados do movimento natural da população do Estado (movimento do registro civil), durante o ano de 1937, organizamos as tabelas que se seguem

Ver Artigo
A Penitenciária do ES – Governo Punaro Bley

Turmas de convictos passaram a trabalhar no cultivo das terras adjacentes nos limites da Penitenciária, ou nas suas pedreiras, 

Ver Artigo