Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Os remendos do cágado – Por Maria Stella de Novaes

Cágado de carapaça esteriada

Certa vez, São Pedro convidou todos os animais alados, para uma festa, no Céu.

Muito amigo do urubu e desejoso de acompanhá-lo, pensou o cágado em resolver a dificuldade em que se achava de comparecer igualmente à recepção.

Como voar, porém, se não tinha asas?

Conseguiu entrar na mala do companheiro.

Já no Céu, o cágado arranjou uma roupa de baile e dançou à vontade. Iniciou, mesmo, um namoro com a garça. Mas, como bebeu muito, foi dormir, debaixo de um banco...

Todos os convidados voltaram, para a Terra, enquanto o cágado dormia profundamente, até que São Pedro foi varrer o Céu e o encontrou.

— Como veio?

— Na mala do companheiro urubu.

São Pedro quis enxotá-lo; mas, Nossa Senhora, penalizada, arranjou-lhe umas asas de cera, que lhe amenizassem a queda.

No caminho, as asas foram-se derretendo, com o Sol, e a cera grudou-se, na pele do animal, até que o pobrezinho, caindo numa pedra, ficou em pedaços. A cera, entretanto, era milagrosa e consolidou a carapaça do cágado, apesar de deixá-lo com os sinais dos remendos.

 

Fonte: Lendas Capixabas, 1968
Autora: Maria Stella de Novaes
Compilação: Walter de Aguiar Filho, novembro/2016

Folclore e Lendas Capixabas

Simpatias de São João

Simpatias de São João

Um santo muito comemorado no mês de junho é São João. Esse santo é o responsável pelo título de "santo festeiro"

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Outros tempos – Por Pedro Maia

Por onde andam os tipos populares que em outros tempos enfeitavam de maneira pitoresca  as ruas da cidade?

Ver Artigo
Festejos de Vila Velha - Por Edward Alcântara

Lembro da “Lapinha” de origem pernambucana, aqui introduzida nos fins do século XIX pelo Desembargador Antonio Ferreira Coelho, grande incentivador dos festejos canela verde de então

Ver Artigo
São Benedito do Divino e de Reis – Por Seu Dedê

Atualmente, em Vila Velha, Leonardo Santos (Mestre Naio) e a Mônica Dantas, conseguiram restabelecer os festejos de São Benedito

Ver Artigo
Festas Juninas – Por Seu Dedê

Vila Velha comemorava as festas de Santo Antônio, São João e São Pedro, respectivamente nos dias 13, 24 e 29 de junho

Ver Artigo
A Festa Do Divino – Por Areobaldo Lellis Horta

Foi na povoação de Jacarandá, município de Viana, hoje Jabaeté, que vi pela primeira vez uma bandeira do Divino Espírito Santo

Ver Artigo