Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Perfil: Vadinho Vieira

Seu Vadinho dono do Restaurante Recanto Baiano

Valdomiro Vieira, ou, Vadinho Vieira para os mais conhecidos, nasceu na cidade de Jânio Quadros, interior da Bahia e ainda jovem mudou-se para Itapetinga com a família. Filho de Olimpio Vieira e Lídia Vieira, Vadinho passou a trabalhar no comércio daquela cidade do interior da Bahia, rica na pecuária de gado e corte.

Seu pai sempre foi a referência da personalidade de Vadinho. Olimpio foi delegado de Itapetinga e tinha muitos amigos na região. Hoje, a cidade tem até uma avenida com seu nome. Vadinho casou com Divanir Coelho Vieira e tinha, em Itapetinga, comércio de carros, mas passou a trabalhar com bar e foi responsável pela inauguração do principal bar e lanchonete da cidade, o Maringá.

Em 1970 resolveu, a convite do irmão Lindauro Vieira, conhecer Vila Velha, onde o irmão tinha um pequeno bar na Praia da Costa. Ele simplesmente se apaixonou pelo lugar e deixou a Bahia. No dia oito de setembro de 1970, chegou ao Espírito Santo, onde naquele dia se comemorava a festa da cidade de Vitória e ele já dizia que era festa para recebê-lo.

Antes de buscar a família na Bahia arrendou um local para instalar o seu bar, dando início a todo um trabalho que, brilhantemente, vem levando até hoje na Praia da Costa, o Restaurante Recando Baiano.

Inicialmente o restaurante funcionou na parte térrea do Edifício Sereia e no ano de 1972 passou para o terreno em frente e está neste local até hoje. O Recanto Baiano sempre teve uma freguesia muito assídua e muitas histórias que só o Vadinho pode contar: casais que namoravam no Recanto Baiano e que hoje levam filhos e até netos para almoçar por lá.

Sempre atento à qualidade da comida do restaurante e ao atendimento, Vadinho recebe turistas e fregueses que por ali passam, com a mesma simpatia e atenção ao longo desses 35 anos. Nestes anos sempre foi servida com a mesma qualidade desde a deliciosa feijoada, saboreada todos os sábados, à tradicional culinária baiana e capixaba.

No dia 22 de março Vadinho completou 80 anos de idade e recebeu amigos, parentes, filhos, netos e funcionários do Recanto Baiano para comemorar seu aniversário. O que podemos mais falar desse baiano que adotou o Espírito Santo como o estado ideal para se viver e criar os filhos? Acho na verdade o Espírito Santo é que adotou Vadinho e fez dele referência de vida e de amizade para todos os capixabas que passam por seu Restaurante diariamente.

Se você quiser saber mais da história de Vadinho visite o site na internet www.recantobaiano.com.br ou visite o próprio Vadinho no Recanto Baiano. Ele, aos 80 anos de idade, está lá, todos os dias e noites com a mesma vitalidade de um garoto de vinte anos. Parabéns Vadinho! Esse presente de vida é de todos nós.

E uma novidade é que o Recanto Baiano agora também é legitimamente capixaba. Isso porque Valdomiro recebeu o título de Cidadão Espírito Santense, por meio do projeto de lei nº 102/2007, do deputado Marcelo Santos.

 

Fonte: Revista Abrav – nº 2/ 2006 e A Tribuna de 30/07/2007
Compilação: Walter de Aguiar Filho, fevereiro/2012

Personalidades Capixabas

A Origem da Família Moneiro

A Origem da Família Moneiro

As instalações da fazenda Monte Líbano incluíam, além do sobrado da residência, uma casa de morada, engenho de café com ventilador, engenho de serra,

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Moacyr Checon fundador do Grupo União - Por Luciana Maximo

Um empreendedor nato, natural de Iconha, o empresário Moacyr Checon, hoje é um dos sócios do Grupo União, que nasceu da união de 15 sócios, proprietários de 15 pequenos caminhões

Ver Artigo
Ainda Eleições Diretas – Por Eurico Rezende

Senador Itamar Franco o primeiro a estimular de modo lúcido o racional, o chamado movimento "Diretas Já"

Ver Artigo
Suspensão do AI-5 – Por Eurico Rezende

Nesse período, o País viverá sob o regime da Constituição de 1967, distante do império do Ato 5

Ver Artigo
Minha posição revolucionária – Por Eurico Rezende

Desde os primeiros preparativos, tive participação efetiva no esquema pró-Revolução

Ver Artigo
Em favor da Magistratura e do Ministério Público – Por Eurico Rezende

A União prestará a cooperação que for necessária a assegurar aos juízes e membros do Ministério Público dos Estados remuneração correspondente à relevância de suas funções

Ver Artigo