Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Roteiros de Santa Maria de Jetibá

Casas Enxaimel - Foto: Prefeitura Municipal de S. M. de Jetibá

No alto das montanhas do ES destaca-se Santa Maria de Jetibá, município colonizado por imigrantes pomeranos e que ainda preserva toda a cultura e história de um povo que, no século XIX, escolheu o Brasil para estender os seus costumes e tradições.

Conhecida também como a "terra da concertina", é um pedacinho da Europa no ES. Não só pelo clima semelhante ao daquele continente - que pode ser verificado na variedade de cachoeiras, de reservas naturais e de florestas que possui -, mas também por manter, até os dias de hoje, o estilo germânico nos casarios e nos prédios comerciais que povoam o centro da cidade com memórias da terra natal.

Museu da Imigração

Instalado em uma casa datada da década de 30 por Francisco Schwartz, o museu está situado em uma pequena elevação de onde se pode observar parte da cidade, a torre da Igreja Luterana e a Igreja Católica Rainha da Paz.

Tocador de Concertina

A concertina, trazida pelos imigrantes, é o instrumento musical que mais toca o coração e a alma do pomerano. Ela está presente em todas as festas e atividades coletivas. No silêncio de sua casa, junto à sua família, é que o tocador começa a aprender o instrumento e a ensaiar as músicas que, posteriormente, serão utilizadas nos encontros comunitários, como festas de ajuntamento, casamentos, forrós e demais comemorações nas comunidades.

Casas Enxaimel

Santa Maria de Jetibá tem característica peculiar na arquitetura tanto no Centro quanto no interior: São as fachadas em estilo enxaimel. Essa característica não se deve somente à influência dos imigrantes germânicos, que se instalaram no município, mas, principalmente, à tentativa de se tipificar o município dentro de uma característica específica, dando um charme especial e causando a sensação de se estar em uma cidade européia.

Igreja Luterana

Foi fundade em 14 de julho de 1918 pelos imigrantes pomeranos. Além da questão histórica, seu destaque deve-se ao fato de que a grande maioria dos pomeranos são, originalmente, protestantes e seguem a religião luterana.

Pedra do Garrafão

Situa-se nos contra-fortes da serra geral, faz parte de um conjunto de picos que, ao serem observados no sentido oeste-leste, apresentam um formato de Garrafão. É ponto culminante do município, aproximadamente 1.300 metros de altitude.

Barragem do Rio Bonito

Pela Rodovia ES-355 avista-se boa parte do lago com seu contorno revestido de remanescente da Mata Atlântica. A fauna e a flora locais permanecem preservadas. Constitui-se como um dos pontos mais promissores de desenvolvimento do turismo na região.

Fonte: A Gazeta (27/04/2007)

Cidades do ES

Marechal Floriano

Marechal Floriano

A cidade era chamada de Braço Sul, devido ao Braço Sul do Rio Jucu que corta o município. Em 13 de maio de 1900 recebeu o nome de Marechal Floriano, na inauguração da Rede Ferroviária Leopoldina Railway

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Vila do Riacho - Por Maurilen de Paulo Cruz

A origem da Vila do Riacho se situa em 1800, quando foi instalado um quartel na confluência dos Rio Riacho e Comboios, pelo Capitão-mor Antônio Pires da Silva

Ver Artigo
O povoamento de Cachoeiro

A ocupação da Bacia do Rio Itapemirim é repleta de fatos históricos de importância, com destaque para o embate entre os índios e os portugueses

Ver Artigo
Ano de 1596 - Por Basílio Daemon

A origem do nome dado da cidade de São Mateus é do Padre José de Anchieta

Ver Artigo
Grandes latifundiários dominavam a região de Itapemirim

Fazenda Pau Brasil de Francisco Salles Ferreira

Ver Artigo
João Neiva

A região que hoje corresponde ao município de João Neiva recebeu os primeiros imigrantes italianos em 1877. As famílias fundaram os distritos de Acioli de Vasconcelos (1887) e Demétrio Ribeiro (1891).

Ver Artigo