Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Rua Maria Saraiva – Por Elmo Elton

Maria Saraiva - Reprodução: Douglas Lynch

Em 1938 o Prefeito Américo Poli Monjardim dá o nome de Maria Saraiva à pequena artéria situada entre as ruas Sete de Setembro e Graciano Neves, prestando, assim, justa homenagem a uma das mais tradicionais figuras populares da cidade. Era doceira. Suas guloseimas, de fabricação caseira, ela própria as vendia, arrumadas em tabuleiro, com tampo de vidro, apoiando-o em armação aberta em forma de X. A doceira, sentada num tamborete, o assento de palhinha, negociava, desde o Império, em pontos centrais de Vitória. Também recebia, de famílias de projeção, encomendas de doces, para festas de batizado, de aniversário e casamento. Participava, com sua infalível presença, dessas festas. Era negra retinta, limpíssima, vestia-se com roupas de bom tecido, o sorriso nos lábios a realçar-lhe a alvura dos dentes perfeitos. Faleceu em 1912. Seus restos mortais, colocados em nicho, repousam no Cemitério de Nossa Senhora da Boa Morte, no bairro de Santo Antônio.

 

Fonte: Logradouros antigos de Vitória, 1999 – EDUFES, Secretaria Municipal de Cultura
Autor: Elmo Elton
Compilação: Walter de Aguiar Filho, setembro/2017

Bairros e Ruas

Aribiri

Aribiri

A denominação Aribiri vem do rio do mesmo nome. O rio, que é um braço de mar, tem sua foz perto do Penedo, na baía de Vitória. Ali existe um grande manguezal

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Praça João Clímaco (ex-praça Afonso Brás) – Por Elmo Elton

Em 1910, Jerônimo Monteiro, quando o logradouro tinha o terreno inclinado, para aplainá-lo, construiu-se um muro de arrimo, coroado por balaustrada, fronteiro à atual Rua Nestor Gomes

Ver Artigo
Como nasceu a Vitória – Por Areobaldo Lellis

Circundada por montanhas desabitadas, os seus extremos eram ligados, a partir das Pedreiras, hoje Barão Monjardim

Ver Artigo
Rua 13 de Maio (ex-rua do Piolho) – Por Elmo Elton

Esse caminho, sinuoso passou a ser a Rua do Piolho, que, já neste século, trocaria de nome para rua Treze de Maio

Ver Artigo
Rua 23 de Maio

Era considerada, até os anos 40, como ponto nobre da cidade. Teve belas residências, destacando-se sobretudo a Vila Oscarina, palacete de propriedade de Antenor Guimarães

Ver Artigo
Ponta da Fruta – Por Edward Athayde D’Alcântara

Até os anos 40 era pequena e conhecida ainda como vila de pescadores e era considerada área rural do município

Ver Artigo