Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Vasco Fernandes Coutinho

Coutinho ausenta-se novamente da capitania

Coutinho ausenta-se novamente da capitania

Posta certa ordem na governança, Vasco Coutinho atirou-se novamente ao mundo

Vasco Coutinho volta ao Brasil, ano de 1555

Vasco Coutinho volta ao Brasil, ano de 1555

O navio em que Coutinho regressou ao Brasil tocou em Pernambuco e, com certeza, era de sua propriedade

Vasco – Por quê a Ilha do Frade para Valentim Nunes?

Vasco – Por quê a Ilha do Frade para Valentim Nunes?

Nunca fui plebeu. Disfarcei minha condição para me proteger na cadeia. Meu nome é Valentim Nunes

65 anos após o desembarque de Vasco Fernandes Coutinho

65 anos após o desembarque de Vasco Fernandes Coutinho

Muito progredira a capitania desde a chegada da Grorya à enseada do Espírito Santo. Vivo estivesse, o primeiro donatário poderia dizer, com justo orgulho, que não fora vão o sacrifício que se impusera para plantar a bandeira do seu rei nesta nesga do solo brasileiro

Galeria de Fotos - Especial Vasco Coutinho

Galeria de Fotos - Especial Vasco Coutinho

Confira nessa Galeria Especial Vasco Coutinho, os locais por onde Vasco passou desde sua chegada em Vila Velha. 

Vasco desembarcou na foz do Rio da Costa

Vasco desembarcou na foz do Rio da Costa

Encontramos mais documentos, livros e relatos sobre a chegada de Vasco Coutinho ao ES. Em uma de nossas fontes, é afirmado que o donatário do ES chegou à Praia do Ribeiro, aos pés do Morro do Moreno, e não na Prainha

O 2º Donatário Vasco Coutinho Filho – Auxílio a Estácio de Sá

O 2º Donatário Vasco Coutinho Filho – Auxílio a Estácio de Sá

Em princípios de 1564, quando Estácio de Sá passou pelo Espírito Santo em demanda do Rio de Janeiro, onde iria imortalizar o nome, Vasco Fernandes Coutinho (filho) já devia ter assumido o governo da capitania

Donatário Francisco de Aguiar Coutinho, parente do Vasco

Donatário Francisco de Aguiar Coutinho, parente do Vasco

Aguiar Coutinho só assumiu a direção da capitania depois de 1605. Durante sua administração, Azeredo foi parte e testemunha de dois importantes acontecimentos 

Ainda Vasco Coutinho Filho

Ainda Vasco Coutinho Filho

Coube aos ingleses pregar um susto a Vasco Coutinho (filho). Surgindo frente ao Espírito Santo, as três naus de que se compunha a expedição

Morre o segundo donatário e assume sua esposa

Morre o segundo donatário e assume sua esposa

Sucedeu-lhe na direção da capitania sua viúva, D. Luísa Grinalda, que nomeou seu adjunto no governo o capitão Miguel de Azeredo punha a expedição