Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando desde 2000 a Cultura e História Capixaba

Maria Ortiz e a Caprichosos de Pilares

Escadaria Maria Ortiz, julho de 2011

Ainda no embalo do Carnaval 2006, muito se tem dito sobre Maria Ortiz, que no desfile da escola de samba Caprichosos de Pilares, no Rio, foi representada como prostituta.

Mas afinal, quem foi Maria Ortiz, consagrada como heroína capixaba quando da invasão dos holandeses ao Espírito Santo, em 1625?

O site Morro do Moreno colheu alguns textos, mas encontramos várias versões, até mesmo que Maria Ortiz era uma garota e não ainda uma moça quando se deu a invasão dos holandeses. Quem está com a razão? Parece que os historiadores ainda não chegaram a uma conclusão. Deixamos essa tarefa então para você, confira os textos abaixo.

>> Maria Ortiz: mea culpa...
>> Maria Ortiz, heroína inesperada
>> Maria Ortiz
>> Genealogia de Maria Ortiz

Curiosidades

Meio século de Gilbert Chaudanne

Meio século de Gilbert Chaudanne

Além de escrever atrás de alguns de seus quadros, Chaudanne já editou livros artesanais com o tema de suas exposições 

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Praias - As 10 mais frequentadas por Eurípedes Queiroz do Valle

Iriri. Deriva de reri ou riri, ostras, mariscos que se encontra em toda costa espírito-santense. Irirí vem a ser portanto local onde há abundância de ostras

Ver Artigo
O Liceu: uma fábrica que virou escola - Por Gabriel Bittencourt

Assim nasceu o Liceu, no prédio da fábrica de papéis, na rua Moreira nº 170, depois do desmonte e alienação do maquinário daquele empreendimento industrial

Ver Artigo
Barra do Jucu – Por Seu Dedê

No ano de 1886, administrada pelo doutor Antônio Athayde, foram feitos os reparos, sendo a obra dividida em três lances unidos por um aterro

Ver Artigo
Lembranças, Presentes e Souvenires do ES - Os 10 mais curiosos (1971)

Biscoitos Alcobaça.  São produtos da Fábrica Alcobaça, de propriedade da firma “Rami­ro S.A. Indústria e Comércio”, instalada no Município de Espírito Santo (Vila Velha), com depósitos em Vitória

Ver Artigo
Características Naturais do Espírito-Santense - Por Eurípedes Queiroz do Valle

1) A saudação. Trata-se de uma exclamação de cunho amistoso, usada para saudar amigos e conhecidos. É representada por um “Ei!” pronunciado com uma en­tonação especial de voz

Ver Artigo