Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

São Mateus, terra de barões

Barão de Aymorés

A história do município de São Mateus também se confunde com o heroísmo de desbravadores.

Dois deles chegaram a receber o título de barão, segundo a historiadora Elinéia Lima.

De acordo com ela, Antonio Rodrigues da Cunha, o barão de Aimorés, primeiro homem a represar as águas do rio Cricaré para instalar engenhos importados da Europa, e Olindo Gomes dos Santos Paiva, o Barão de Timbuí, que foi deputado provincial e teria prestado serviços à linha telegráfica do Norte e em relação à Guerra do Paraguai, foram alguns deles.

Nascido em 1834, em Barra do São Mateus, atual município de Conceição da Barra, o Barão de Aimorés se instalou numa fazenda às margens do braço sul do rio Cricaré, próximo à Cachoeira do Cravo, que se tornou modelo de propriedade para a época.

Antonio Rodrigues da Cunha recebeu em 1889 o título de “Barão de Aimorés”, que lhe foi outorgado pelo imperador D. Pedro II. Morreu em 1893. Já o Barão de Timbuí foi agraciado com o título em 1874.

Foi durante o século XIX, com o aparecimento de grandes fazendeiros como os barões de Timbuí e Aimorés, que o porto viveu sua fase áurea, com o surgimento de belos sobrados e casas comerciais – com suas coberturas em telhas tipo canal e grades de ferro importadas da Europa.

Fonte: A Gazeta 15/07/2007

História do ES

Contestado: zona explosiva

Contestado: zona explosiva

No transcurso das administrações de Carlos Lindenberg, Jones Santos Neves e Francisco Lacerda de Aguiar, nossa história foi marcada por violentos conflitos rurais 

Pesquisa

Facebook

Matérias Relacionadas

São Mateus

Se dependesse da fé dos negros que, na verdade, deram grande contribuição ao início de sua colonização, o município hoje poderia de chamar São Benedito, em lugar de São Mateus.

Ver Artigo