Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Cimento e Ferro – Por Paulo Vasconcellos

Parthenon, dos primórdios da historia, é o nome que ainda soa aos nossos ouvidos, da arte grega. "Milagre grego" é o seu sinônimo no tempo da Acrópole. Acrópole é o enfeixo das jóias arquitetônicas não ultrapassadas na historia, em sua arte e espontaneidade. Ali foi a fonte.

Fídias, o gênio dessa arte. Calícrates e Ictinos seus arquitetos e uma plêiade de escultores seus discípulos, deixaram na Grécia fincado o marco do apogeu da arquitetura e escultura. Elas aí culminaram.

Veio depois Roma, em seu fausto de arte. Em seguida a arte cristã, a bizantina, a gótica, as diversas formas da renascença, as artes dos séculos XV a XIX e enfim a ultramoderna arte.

Colunas de fuste galbado, capitéis de volutas e acanto, entablamentos decorados de pérolas e folhas d'água e frisos com baixo relevo, hoje foram riscados da arte arquitetônica, pelo fator arquitetura-comércio.

Abobadas perfeitas, curvas impecáveis de arcos abatidos, escócias elegantes, foram banidas por vigas retas de cimento armado. Cornijas decoradas cederam lugar a recortadas e duras lages de cimento armado, em consolo.

Lindos atlantes e cariátides ficaram sem função, suas vagas não são preenchidas, há vigas armadas em balanço, que os dispensam...

Há, contudo, alguém, que de vez em quando, olha com olhos da alma, e quando não deixa uma obra de vulto, ao menos deixa uma parcela de bom gosto e arte.

Eis ai, o Palácio do Governo do Estado. Sóbrio. De linhas severas e com influência grego-romana. Belo edifício, que um capixaba lembrou chama-lo adequadamente de "Palácio de Anchieta".

Há o edifício do Culto Baptista, traduzindo a arquitetura dos clássicos templos gregos. Sua coluna encimada por um frontão grego é sua característica.

O edifício Gloria e a Casa de Saúde dizem da transição da arte moderna, ainda com influencias de Luiz XVI.

Pedro Vivacqua, em lugar adequado, elevou "sua doce casa" em estilo néo-colonial. A desafiá-lo, em linhas puras, fronteiriçamente se encontra o "cottage" de Oswaldo Guimarães. Elias Miguel, em estilo romano, fez sua bela vivenda no Moscoso.

E, numa arte de cimento e ferro áspera, recortada, sem detalhes, apenas com jogo de grandes massas, plantaram o majestoso, monótono e cinza arranha-céu, de Oswaldo Guimarães, na Praça da Independência.

 

Fonte: Revista Annuário do Espírito Santo, 1937
Autor: Paulo de Vasconcellos
Compilação: Walter de Aguiar Filho, dezembro/2017

Curiosidades

Tropeiros percorrem em 20 dias 650 quilômetros de história

Tropeiros percorrem em 20 dias 650 quilômetros de história

Ao longo de 20 dias, um grupo de 13 capixabas está revivendo parte da história do Brasil Colônia ao refazer os passos de Dom Pedro pelo interior do Estado

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

A Origem da palavra Capichaba

incontestavelmente, o diagrama CH se pronuncia em alguns idiomas como se fosse — X —; porém, para o nosso caso, a grafia Capichaba com CH

Ver Artigo
Eduardo Wilberforce adentrando na Baía de Vitória em 03/09/1851

Afonso de E. Taunay publicou no JORNAL DO COMÉRCIO de 26 de agosto de 1945, sob o título "IMPRESSÕES DE VITÓRIA E SEUS ARREDORES (1850)"

Ver Artigo
Um e-mail da Mãe Natureza

Conhecendo a história conseguimos entender o nosso tempo

Ver Artigo
O Parque Real da Regência Augusta

Proposta revolucionária do Governador Silva Pontes de criação de uma reserva florestal

Ver Artigo
Rodovia do Sol irá viabilizar o turismo no Sul (1998)

Vila Velha, Guarapari e demais municípios do litoral Sul terão uma nova realidade turística 

Ver Artigo