Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Moqueca Capixaba - Por Renata Bomfim

Guarapari Mercado de Peixes

Ela vai sendo aquecida, lenta e

delicadamente em fogo brando.

Sobre a mesa, o namorado,

temperado com amor, espera.

 

Pretinha de barro, filha de índio,

Seu colo acolhe o fruto do mar.

Fervilhante emana seu odor,

Esperam-na todos, deleitantes.

 

Um bom vinho, à mesa,

Um silêncio respeitoso,

As bocas anseiam e marejam

como velas errantes ao mar.

 

E o namorado vai sendo devorado,

transubstanciação, pode-se sentir o

Espírito Santo no céu da boca.

Divina moqueca capixaba!

 

Fonte: Vitória, Cidade Sol – Escritos de Vitória nº 25, Academia Espírito-Santense de Letras e Secretaria Municipal de Cultura, 2008
Autora: Renata Bomfim
Artista Plástica (UFES). Especialista em Arteterapia na Saúde e na Educação (UCAM/R.I) e em Psicossomática (FACIS/SP). Mestranda em Estudos Literários (UFES). Contadora de histórias e Poeta.
Compilação: Walter de Aguiar Filho, janeiro/2020

Literatura e Crônicas

Nos caminhos da montanha - Por Roberto Mazzini

Nos caminhos da montanha - Por Roberto Mazzini

O sino da estação já bateu e o trem vem chegando. Vem se aproximando manso e com suas fumaças controladas dentro do poderoso peito de ferro da locomotiva

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Que fim levaram as tanajuras? - Por Francisco Aurélio Ribeiro

Não só o índio que comia, era toda a população, como confirma o relato Auguste de Saint-Hilaire

Ver Artigo
General Osório Número 120 - Por Mário Gurgel

Oferta de uma criatura residente na Rua General Osório 120, para a festa de Natal dos menores da Casa do Menino

Ver Artigo
Moqueca Capixaba - Por Renata Bomfim

As bocas anseiam e marejam como velas errantes ao mar

Ver Artigo
Discurso de Posse como Presidente da AEL - Ester Abreu Vieira de Oliveira

Junto com esta Diretoria, e em estreita aliança com todos os Acadêmicos, pelo difícil e digno dever de conduzir, em 2021, a celebração do I Centenário da AEL

Ver Artigo
Urubu ao molho pardo - Por Elmo Elton

Porque tivesse fama de bom cozinheiro, resolveu fornecer comida, a "preços módicos", a trabalhadores do trapiche de Vitória

Ver Artigo