Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando desde 2000 a Cultura e História Capixaba

Terceira Ponte

Vista da Terceira Ponte do Morro do Moreno - Foto: Walter de Aguiar Filho, março 2012

Ponte que liga Vitória a Vila Velha, a Terceira Ponte foi a maior obra já realizada no Espírito Santo, e uma das maiores do Brasil, tornando-se um dos cartões-postais da cidade.

Seu nome oficial é Ponte Deputado Darcy Castello de Mendonça, mas o povo apelidou-a de Terceira Ponte logo que foi anunciado o projeto de sua construção, devido às duas outras pontes que já existiam anteriormente ligando Vitória a Vila Velha: Ponte Florentino Avidos (Cinco Pontes) e Segunda Ponte.

A primeira ponte (Florentino Avidos), inaugurada em 1928, ligou o coração de Vitória com os fundos de Vila Velha. A segunda, aberta em 1979, trouxe o tráfego continental para o miolo da capital, Vitória.

A Terceira Ponte foi construída para desafogar essas duas primeiras. Possui 3,33 km de extensão, vão principal com 70m de altura e 200m de um pilar ao outro, permitindo assim o acesso de navios de grande porte à baía de Vitória.

É a principal ligação de Vitória com Vila Velha e o litoral sul do Espírito Santo. e depois de sua construção, Vila Velha passou por um intenso crescimento na construção civil, dando outra dimensão à sua então condição de cidade-dormitório.

O primeiro pilar da Terceira Ponte foi concretado em 1978, durante o Governo de Élcio Álvares e foi concluída em 1989, no Governo de Max Mauro. A ponte iniciou operando com 12 mil carros por dia e em outubro de 1992 já eram 15.964 por dia, em média.

Quem trafega pela ponte percebe o que só os viajantes de avião enxergam ao sobrevoar Vila Velha e Vitória: Como é bonito esse lugar!

Veja fotos exclusivas da construção desta grande obra entre os anos de 1985 a 1987 nas fotos abaixo.

 

Fotos cedidas por: Elson Gatto Filho, com contribuição de Rogério Rodrigues da Costa e Vanize Merlim
Postagem: Walter de Aguiar Filho, março/2012



GALERIA:

📷
📷


Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Farol de Santa Luzia – Por Elmo Elton

A 07 de setembro de 1871, a luz do farol já anunciava aos nautas, antes incertos, a segurança da aproximação do porto

Ver Artigo
O Farol de Regência - Por Geraldo Magela

O farol foi inaugurado no dia 15 de novembro de 1895, no governo Muniz Freire, que defendeu na Câmara do De­putados a necessidade de sua instalação

Ver Artigo
Orografia - As 10 mais altas Montanhas do Espírito Santo

Mestre Álvaro (ou Alvo). É uma bela montanha que se ergue, isolada, em extensa planície, ao norte da cidade de Vitória, no vizinho Município da Serra 

Ver Artigo
Grandes Construções - As 10 mais destacadas por Eurípedes Queiroz do Valle

Situa-se na Ponta de Piranhém ou Tubarão que lhe dá o nome no extremo norte da baía de Vitó­ria

Ver Artigo
O Itabira e o Frade e a Freira - Por Gabriel Bittencourt

O Itabira: esguio monólito que os cachoeirenses fizeram símbolo da cidade, e os intelectuais de sua Academia de Letras transformaram-no no seu escudo e emblema

Ver Artigo