Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

A torre e o relógio

A construção da Praça Oito em 1920

Monumento aos vencedores

 

No centro da atual cidade de Vitória há uma praça cujo nome reporta a uma data: “8 de Setembro”. Nesse dia e mês, em 1551, a Ilha de Santo Antônio foi invadida pelos goytacazes. A historiadora Stella de Novaes, dando a impressão de que foi testemunha ocular do episódio, assim o descreveu:

“Nas suas velozes canoas, ou mesmo vencendo a travessia em fortes braçadas, os silvícolas atingem a ilha e iniciam uma arrancada violenta para o centro colonizado. Fere-se vultuoso combate. As crianças tremem e choram. As mulheres rezam. Mas, no auge do combate, o fragor de um canhão abala a terra e o índio, vencido pelo terror, balbucia: - Tupã!”

Narrações emocionadas à parte, a derrota dos goytacazes está eternizada na torre e no relógio da “Praça 8”. É um monumento ao triunfo dos conquistadores.

 

Fonte: Livro História do Espírito Santo - uma abordagem didática e atualizada 1535 - 2002
Autor: José P. Schayder
Compilação: Walter de Aguiar Filho, fevereiro/2016

Curiosidades

Museu de Biologia Professor Mello Leitão

Museu de Biologia Professor Mello Leitão

Muitos dos segredos da Mata Atlântica foram desvendados neste pedaço de terra, conhecido como Museu de Biologia Professor Mello Leitão

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Restaurante Mar e Terra – Por Álvaro José Dias

Se você não conheceu o velho Mar e Terra, amigo, perdeu. Mas pode se consolar: não era um ambiente familiar

Ver Artigo
Um e-mail da Mãe Natureza

Conhecendo a história conseguimos entender o nosso tempo

Ver Artigo
O Cine Cici do Seu Tinininho – Por Átyla de Freitas Lima

A casa onde funcionava o Cine Cici era um salão grande, coberto de zinco, na Rua 23 de Maio 

Ver Artigo
Cimento e Ferro – Por Paulo Vasconcellos

O edifício Gloria e a Casa de Saúde dizem da transição da arte moderna, ainda com influencias de Luiz XVI

Ver Artigo
Russo era o barão da monazita de Guarapari

Um só homem foi acusado de ter faturado milhões de dólares em Guarapari com a extração de areia monazítica praticamente de graça, durante quase 30 anos

Ver Artigo