Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Campus Alaor de Queiroz Araujo - Por Aldo José Barroca

Alaor de Queiroz Araujo

Na década de 1930, estudantes capixabas já frequentavam cursos superiores em Vitória, até que, em 5 de maio de 1954, o governador Jones dos Santos Neves criou a Universidade do Espírito Santo, unindo os cursos dispersos. Sendo sua manutenção onerosa, o deputado federal Dirceu Cardoso conseguiu sua transformação em instituição federal. No último ato administrativo assinado pelo presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, em 30 de janeiro de 1961, surgiu a Ufes — Universidade Federal do Espírito Santo. Jair Etienne Dessaune, 1° reitor, estruturou e acompanhou a construção desde o início.

Em 1967, o governo federal desapropriou um terreno em Goiabeiras, construindo no local a Ufes. O Campus fica na região norte, na Avenida Fernando Ferrari, em Goiabeiras, em frente a Jardim da Penha. Sua construção ocasionou a perda de 211.250 m2 de manguezal, devido aos aterros necessários à construção e posteriormente para ampliação da Avenida Fernando Ferrari. Alunos da Ufes participaram da redemocratização, principalmente em passeatas, enfrentando abertamente a repressão. Vários estudantes foram presos, a maioria muito jovem. Alcançada a democracia, fez-se necessária a reorganização para recuperar o rumo ideológico e a militância, esquecidos no período ditatorial. Da resistência à ditadura nos anos de chumbo surgiram lideranças a se destacarem na vida pública e privada.

Com quatro campi universitários, em Vitória (Goiabeiras e Maruípe) e no interior (Alegre e São Mateus), possui cerca de 1.500 professores, 2 mil servidores técnicos, 19 mil alunos de graduação presencial, 1.200 de graduação a distância e 3 mil de pós-graduação. Possui 102 cursos de graduação, 56 mestrados e 26 doutorados. O campus principal ocupa hoje uma área em torno de 1,5 milhão de metros quadrados. Centros de Ensino Goiabeiras: Centro de Artes, Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Humanas e Naturais, Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas, Centro de Educação, Centro de Educação Física e Desportos, Centro Tecnológico. Maruípe: Centro de Ciências da Saúde — Hucam - Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes e IOUFES - Instituto de Odontologia da Ufes. São Mateus: Centro Universitário Norte do Espírito Santo (CEUNES) Alegre: Centro de Ciências Exatas, Naturais e da Saúde e Centro de Ciências Agrárias e Engenharias (CCAE). Oferece Mestrado e Doutorado, bem como cursos à distância. Órgãos Suplementares: Biblioteca Central, Instituto de Inovação Tecnológica, Instituto Tecnológico, Núcleo de Assessoria Jurídica e Auditoria Interna, Núcleo de Processamento de Dados, Museu de Ciências da Vida, Prefeitura Universitária, Rádio e Televisão Universitária, Restaurante Universitário e Planetário.

Em 1960, meu pai, músico e coronel da Polícia Militar do Espírito Santo, Alfredo Pacheco Barroca, formou-se em bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito do Espírito Santo (hoje, integrante da UFES). Foi o orador da turma. Posteriormente, meu irmão Alexandre também se formou em bacharel em direito na mesma Faculdade. Meu irmão Alfredo é professor de Educação Física formado na turma do Campus de Goiabeiras. Minha irmã Alone é formada em Matemática pela Fafi — Faculdade de Filosofia e Letras, posteriormente integrada à UFES. Fato curioso: Seu nome não constava entre os aprovados no vestibular. Ela estava lamentando com colegas, o professor chegou para saudar o grupo. Ao tomar conhecimento, mandou corrigir o erro, pois ela foi classificada... Minha neta Carolina cursa Literatura na Ufes.

A universidade atende à Comunidade externa, como exemplo cito a UnAPI - Universidade Aberta à Pessoa Idosa; inclusive eu frequento. Também na Ufes, entre 22 e 26 de maio de 2019, a 6ª FLIC ES – Sexta Feira Literária Capixaba. O Dr. Alaor de Queiroz Araujo foi reitor de três de março de 1965 a dezesseis de junho de 1971, com destacada atuação em prol do desenvolvimento dos estudos da universidade. Em justa homenagem por seus valiosos serviços prestados, embora conhecido como Campus de Goiabeiras, o nome oficial é Campus Alaor de Queiroz Araujo.

Referência em educação superior de qualidade, conceituada no Brasil e fora do país, a UFES – Universidade Federal do Espírito Santo, ao completar 65 anos, merece nosso parabéns, por sua importante, atuação nas áreas de pesquisa, educação e cultura, servindo aos capixabas e também aos outros estados de nosso imenso e amado Brasil. É um dos muitos motivos do meu orgulho de ser capixaba.

 

Fonte: UFES: 65 anos – Escritos de Vitória, 33 – Secretaria de Cultura da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), 2019
Conselho Editorial: Adilson Vilaça, Ester Abreu Vieira de Oliveira, Francisco Aurélio Ribeiro, Elizete Terezinha Caser Rocha, Getúlio Marcos Pereira Neves
Organização e Revisão: Francisco Aurélio Ribeiro
Capa e Editoração: Douglas Ramalho
Impressão: Gráfica e Editora Formar
Foto Capa: David Protti
Foto contracapa: Acervo UFES
Imagens: Arquivos pessoais
Autor: ALDO JOSÉ BARROCA
Escritor, pesquisador, jornalista articulista. Filiado ao IHGES.
Compilação: Walter de Aguiar Filho, fevereiro/2020

Personalidades Capixabas

 Zacimba Gaba – Princesa, Escrava e Guerreira

Zacimba Gaba – Princesa, Escrava e Guerreira

Zacimba, que havia, “ainda mocinha”, cruzado o Atlântico naquelas precárias embarcações que traziam até 500 escravos, sabia muito bem o que devia representar a liberdade para o seu povo

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Marcílio Toledo Machado

Meu pai disse para meu irmão mais velho quando nasceu o seu primeiro filho: "Agora sim, você vai ter uma idéia de quanto gosto de você"

Ver Artigo
Nicanor Francisco de Azevedo Paiva

Nascido na Vila do Arrozal do Pirai, em terras da Fazenda Pau D'Alho, no dia 17 de agosto de 1901

Ver Artigo
Laerce Bernardes Machado

A História de um Homem é sempre algo interessante de se saber e de se conhecer

Ver Artigo
José Ignacio Ferreira

Nascido em Vitória, no dia 18 de maio de 1939, seu pai, o comerciante Aristóbulo Inocêncio Ferreira, casou-se em segundas núpcias com sua mãe, Sra. Jurandy Leite Ferreira

Ver Artigo
Judith Castelo Ribeiro

Eram treze irmãos. Todos vieram do interior e ficaram numa casa de sobrado, na extinta Rua José Marcelino

Ver Artigo