Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando desde 2000 a Cultura e História Capixaba

Catedral Metropolitana de Vitória

Vitral da Catedral Metropolitana de Vitória - Foto Walter de Aguiar Filho

No lugar da antiga Igreja Matriz, do período colonial, após a sua demolição, foi construída uma enorme igreja, com estrutura em concreto armado que reúne vários estilos, do gótico ao bizantino. Sua construção, inspirada na catedral alemã de Colônia, foi iniciada em 1920 e concluída 50 anos depois. André Carloni participou dessa construção. Os vitrais, de autoria do imigrante italiano Formenti, foram doados por famílias ricas da cidade e pelas irmandades religiosas.

LARGO DA MATRIZ - Hoje Catedral, com a elevação do Estado a Bispado. Praça fronteira ao templo, onde se situava pequeno cemitério. Havia uma lombada, ocupada por quarteirão, que encobria a vista da Matriz pelo lado do Palácio. Nessa área depois de aplainada, construiu-se a Casa de Saúde, sede da Associação dos funcionários públicos (1935-1938).

 

Fonte: Biografia de uma ilha
Autor: Serafim Derenzi
Roteiro Histórico I - 2ª Edição, Prefeitura de Vitória, outubro/2007
Compilação e Fotos: Walter de Aguiar Filho, junho/2011

 

LINKS RELACIONADOS:

>> André Carloni




GALERIA:

📷
📷


Monumentos

Um Parque Atraente - Por Ormando Moraes

Um Parque Atraente - Por Ormando Moraes

Parque era todo aberto, e além da rica arborização, dos gramados e jardins e dos lagos artificiais, tinha apenas ao centro um bonito coreto

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Orografia - As 10 mais altas Montanhas do Espírito Santo

Mestre Álvaro (ou Alvo). É uma bela montanha que se ergue, isolada, em extensa planície, ao norte da cidade de Vitória, no vizinho Município da Serra 

Ver Artigo
Grandes Construções - As 10 mais destacadas por Eurípedes Queiroz do Valle

Situa-se na Ponta de Piranhém ou Tubarão que lhe dá o nome no extremo norte da baía de Vitó­ria

Ver Artigo
O Farol de Regência - Por Geraldo Magela

O farol foi inaugurado no dia 15 de novembro de 1895, no governo Muniz Freire, que defendeu na Câmara do De­putados a necessidade de sua instalação

Ver Artigo
O Itabira e o Frade e a Freira - Por Gabriel Bittencourt

O Itabira: esguio monólito que os cachoeirenses fizeram símbolo da cidade, e os intelectuais de sua Academia de Letras transformaram-no no seu escudo e emblema

Ver Artigo
Praça João Clímaco

Localizada em frente ao Palácio Anchieta, a Praça João Clímaco, ex-praça Afonso Brás, foi durante três séculos chamada ora como largo do Colégio, ora largo Afonso Brás

Ver Artigo