Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando desde 2000 a Cultura e História Capixaba

Centro Cultural Humberto de Campos (C.C.H.C.) - Assembleia de 04/12/1954

Centro Cultural Humberto de Campos (C.C.H.C.)

Realizou-se no dia 21 de novembro uma sessão ordinária de grande significação pela importância dos assuntos focalizados. Dentre outros que foram colocados na ordem do dia, dois tiveram especial significação: primeiro foi a homenagem prestada pela entidade à todos os sócios do Centro Cultural "Humberto de Campos", que se candidataram à diferentes cargos eletivos no pleito de 3 de outubro próximo passado, tendo em vista que manifestaram, eleitos ou não, o sentido de cultura e democracia que norteia as atividades do Centro.

Dentro deste espírito, foram particularmente citados os Srs. Dr. Antônio Bezerra de Faria, atual Prefeito Municipal de Vila Velha, que com expressiva votação, foi eleito deputado estadual pela Dissidência Udenista, fiel aos grandes ideais do, brigadeirismo, Antônio Gil Vellozo, atual vereador pela Dissidência Udenista e eleito Prefeito Municipal com 3.316 votos, pela coligação UDN-PSP-PR, figura de lutador impoluto, querido pelo povo de Vila Velha, pelos seus dotes característicos de camaradagem franca e sadia, Emmanoel Balestrero, primeiro tesoureiro da gestão Dr. Hilário Soneghet, eleito Prefeito de Viana pelo PSD, pessoa muito amiga e querida de todos os sócios do Centro Cultural "Humberto de Campos", onde alia a sua inteligência à sua generosidade.

O segundo foi a deliberação da entidade, no sentido de que fosse providenciada a inauguração do retrato do 2° presidente da Casa, Sr. Antônio Pinto Rodrigues, que dirigiu os destinos do Centro no biênio 1952-1953, para que tivesse prosseguimento o plano já aprovado de se constituir a galeria dos ex-presidentes, a qual teve início com a inauguração do retrato do Cap. Jayme Duarte Nascimento, que foi fundador e presidente nos biênios 1948-1949 e 1950-1951. A proposta neste sentido na sessão do dia 21, foi feita pelo Sr. Emmanoel Balestrero.

Dirigiu os trabalhos no exercício da presidência Sr. Newton L. Jordão, na falta eventual do presidente efetivo Dr. Hilario Soneghet, tendo sido a sessão secretariada pelo Sr. Vicente de Oliveira e Silva.

Todas as quintas feiras às 20 horas, haverá sessão de Assembleia Geral para dar prosseguimento à elaboração do novo Estatuto.

O Presidente solicita o comparecimento de todos os sócios à sede da entidade na referida hora nos dias indicados.

A próxima sessão ordinária terá lugar amanhã dia 5 de Dezembro (domingo) quando importantes assuntos que se acham em temário, serão estudados, debatidos e eventualmente votados.

 

Fonte: Jornal O Continente - 04/12/1954

Literatura e Crônicas

Krikati, Tio Clê e o Morro do Moreno

Krikati, Tio Clê e o Morro do Moreno

As histórias do Morro do Moreno são contadas no livro KrikatiTio Clê e o Morro do Moreno”, de autoria de Walter de Aguiar Filho. O livro tem como público-alvo crianças e adolescentes, e conta em forma de diálogo as aventuras vividas por um menino e um homem sábio.

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

PARA A CIDADE E PARA O MUNDO - Por Fernando Achiamé

Mas o eterno mercado da Vila Rubim acabou: o edifício cheio de colunas construído nos anos 20 e derrubado nos 70

Ver Artigo
Cronistas - Os 10 mais antigos de ES

4) Areobaldo Lelis Horta. Médico, jornalista e historiador. Escreveu: “Vitória de meu tempo” (Crônicas históricas). 1951

Ver Artigo
Lançamento da Biografia de Dona Domingas na Basílica de Santo Antônio

No mês de junho será lançado a biografia de dona Domingas na Basílica de Santo Antônio. Em breve estaremos divulgando o dia do evento

Ver Artigo
Vitória de muitas Pontes – Por Anilton Candido Trancoso

Perto desta ilha, de príncipe e mercado tem uma ponte, que por entre a exuberância de suas ferragens guarda segredos

Ver Artigo
Machado - O Cético Aparente - Por Nelson Abel de Almeida

E mestre Machado de Assis, para muitos, o cético, o pessimista, o homem, que se aponta como azedo e amargurado 

Ver Artigo