Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Investimento em obras de saneamento – Bacia do Itabapoana

A Estação de Tratamento de Esgoto de Bom Jesus do Norte recebeu melhorias

A Companhia Espírito-Santense de Saneamento (Cesan) programou investimentos de R$3,2 milhões em obras para melhorar o abastecimento de água e a coleta e tratamento de esgoto em alguns municípios banhados pelo Rio Itabapoana.

Em Bom Jesus do Norte, a empresa planeja investir R$2,2 milhões na ampliação do sistema e abastecimento de água e construção de reservatório, além de complementação do sistema de esgotamento sanitário da Estação.

Em São José do Calçado estão previstas a substituição de redes de distribuição e a reforma da Estação de Tratamento de Água (ETA), bem como a construção da nova captação, com investimentos da ordem de R$500 mil, beneficiando cerca de 8 mil pessoas.

Em Apiacá, nos próximos três anos, a empresa planeja investir R$200 mil em melhorias no sistema de abastecimento de água, compreendendo captação, adutora de água bruta e redes de distribuição, além de melhorias na ETA, beneficiando mais de 4 mil pessoas.

Para o município de Dores do Rio Preto a companhia destinará recursos para construção da nova captação de água bruta por gravidade e implementação de 3 mil metros de redes adutoras de água, atendendo a 2 mil habitantes.

CONSÓRCIO

A Cesan também participa da Bacia do Rio Itabapoana por meio do consórcio do rio, atualmente presidido pelo prefeito de Muqui, José Paulo Viçosi, o Frei Paulão.

Obras trazem benefícios

Nos últimos quatro anos, a Cesan aplicou R$ 710 mil em municípios da Bacia do Rio Itabapoana, melhorando a qualidade de vida da população local.

Em Bom Jesus do Norte, foram realizados serviços de ampliação do sistema de esgotamento sanitário da sede e melhorias em estações elevatórias de esgoto e na Estação de Tratamento de Esgoto, mil metros de redes de água e 736m de redes coletoras de esgoto.

Em Divino de São Lourenço, foram feitas melhorias na Estação de Tratamento de Água (ETA), em elevatórias de água tratada e captação, além da construção de 800 metros de rede de distribuição, no valor de R$ 54 mil.

Em São José do Calçado, foram investidos R$ 456 mil na construção de reservatório do sistema de abastecimento de água de cada com capacidades para 540 mil metros cúbicos ao todo da distribuição, beneficiando um total de 8 mil habitantes.

 

Fonte: A Gazeta – Especial – 07 de outubro de 2007
Compilação: Walter de Aguiar Filho, março/2016

Pesquisa

Facebook

Matérias Relacionadas

Fundo para financiar projetos nas Bacias Hidrográficas do ES

A proposta é de que recursos dos royalties do petróleo, do setor elétrico e de rochas ornamentais financiem melhorias 

Ver Artigo
Itabapoana vai ganhar comitê

Membros do consórcio da bacia realizam preparativos para eleger no mês que vem a diretoria provisória

Ver Artigo
Serra das Torres, paraíso intocado

A região poderá abrigar a primeira Unidade de Conservação da Bacia do Itabapoana, por possuir espécies em extinção e não catalogadas

Ver Artigo
Enchentes causam prejuízos na Bacia do Itabapoana

A natureza, aliada à ação predatória do homem, eleva a ocorrência de inundações na Bacia do Rio Itabapoana

Ver Artigo
Comércio de escravos no Itabapoana

O rio sustentou uma sociedade oligárquica e escravocrata, onde o tráfico de negros africanos era uma importante fonte de lucro

Ver Artigo
Pobreza e riqueza lado a lado – Bacia do Itabapoana

Muqui tem o maior sítio histórico do Espírito Santo com 186 imóveis tombados, construídos no início do século XIX

Ver Artigo
Rio Itabapoana integra três estados

A Bacia do Itabapoana passa por 18 municípios, sendo 9 capixabas, 5 fluminenses e outros 4 mineiros, antes de desaguar no Oceano Atlântico 

Ver Artigo